III. Thorndike

a lei dos efeitos


Edward Lee Thorndike estabelece, com sua lei dos efeitos as bases para o behaviorismo de Skinner. Antes, entretanto, de ser integrado ao paradigma comportamentalista, Thorndike foi criticado por sua ênfase nas sensações agradáveis e desagradáveis como elemento de fixação de respostas. Depois de responder às críticas, sua teoria acabou incorporada às correntes behavioristas. Suas formulações se inserem numa lógica positivista e forma pragmática (sem e com pouca enunciação epistemológica) de fazer ciência(Marx e Hillis, cap. 4).


AGRADÁVEL DESAGRADÁVEL
sucesso obstáculo
comportamento se repete
comportamento não se repete



    Diferença entre associacionismo pavloviano-watsoniano e de Thorndike

  • a teoria do reflexo condicionado de Pavlov
  • e o behaviorismo de Watson procuram associar novos estímulos (antes neutros) a respostas incondicionadas, visando assim superar os limites dos estímulos anteriores;

  • a teoria de Thorndike busca a experimentação do efeito das recompensas e punições sobre a resposta dada a um determinado estímulo;


I. A teoria do reflexo: Pavlov

II. O estudo do comportamento: Watson

IV. O behaviorismo de Skinner


Início | banco de conhecimento | empíricos | exercícios | construções | interações
ferreira@netu.unisinos.br
Editado em 07.ago.97. Modificado em 15.agos.97